Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O MEU PÃO

Bem, adoro criar com os mais diversos materiais e... procurar novos pólos de interesse. Surjo agora com este blogue dedicado à panificação! :)Ou melhor, adoro dar largas à imaginação com a minha máquina do pão e aqui deixo algumas receitas.

O MEU PÃO

Bem, adoro criar com os mais diversos materiais e... procurar novos pólos de interesse. Surjo agora com este blogue dedicado à panificação! :)Ou melhor, adoro dar largas à imaginação com a minha máquina do pão e aqui deixo algumas receitas.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Em destaque no SAPO Blogs
pub
24
Set09

Pão de mel e pinhões


veralvese

Agora a minha obra-prima! E como surgiu a ideia? Quando estava a fazer um chá de limão e mel ao meu querido marido - a gripe ataca - e me pus a pensar no mel a barrar o meu pão quentinho. Então, porque não usar o mel para fazer o pão? Eis o resultado:

 

 

Então os ingredientes para realizar a magia -~não esquecer de seguir a ordem:

 

350 ml de água

1 medida e meia de sal grosso

560 gr de farinha de trigo T65

1 colher de sopa muito bem cheia de mel

1 boa pitada de canela e erva doce

1 mão cheia de  pinhões

fermipan

 

Colocar no menu normal, para tostar no máximo e esperar!

 

Por cima ficou assim:

 

 

Por dentro ficou assim:

 

 

Sei que desta vez abusei nas fotos, mas se o pudessem provar ficavam a saber o porquê da minha fixação.

 

24
Set09

Doce de Figo


veralvese

Agora uma receita da minha inteira autoria!  Isto porque a figueira dos meus avós este ano deu kilos de figos diariamente... e o que fazer? Um belo doce...

 

Tinha tantos figos que decidi não fazer na máquina do pão, mas é igual!

 

Então os ingredientes:

 

2, 5 kg de figos (sem a casca)

1 kg de açúcar

 

Colocar tudo dentro do tacho e mexer bem, tapar e colocar ao lume no mínimo durante duas horas aproximadamente. depois é só colocar a varinha e fica assim! se fizer na máquina não mexe mas depois deve triturar um pouco na mesma e cuidado: não podem ser estas medidas!

 

 

24
Set09

Pão de sementes de linhaça com germen de trigo


veralvese

Olá, para melhor saborearmos as compotas cá em casa, decidi fazer um pãozinho saboroso e muito nutritivo: pão de sementes de linhaça com germen de trigo.

 

 

Agora a receita!

 

Colocar os ingredientes pela ordem apresentada:

350 ml de água

1 medida e meia de sal grosso

560 gr de farinha de trigo T65

1 colher de sopa bem cheia de farinha de arroz

3 colheres de sopa de sementes de linhaça

2 colheres de sopa bem cheias de germen de trigo

fermipan

 

Depois é só selecionar o Menu normal mas colocar para tostar no símbolo do meio, senão fica um pouco escuro por fora de mais (devido ao germen - mas fica muito estaladiço).

 

23
Set09

Doce Sugestão: Panquecas


veralvese

Por hoje, já chega. Deixo aqui as minhas panquecas - que fiz antes dos doces e portanto na altura tivemos de saboreá-las com os doces de compra.

 

 

A receita:

 

2 ovos

200 gr de leite

50 gr de margarina

50 gr de açúcar

1 col sobremesa de açúcar baunilhado

150 gr de farinha

1 col chá fermento

1 pitada de sal

 

Tudo na liquidificadora uns segundos e depois de aquecer bem a frigideira, untá-la com azeite e colocar um pouco de massa. Quando começar a formar pequenas bolhas vira-se e deixa-se cozer do outro lado.

 

 Também pode experimentar variações. Pode substituir o açúcar baunilhado por banana ou outro ingrediente a gosto. Já fiz com banana e a diferdença é na cor: ficam mais escuras!

23
Set09

Pão branco com farinha preparada Branca de Neve


veralvese

Bem, como nisto temos sempre de estar a par das novidades, perco-me sempre nos corredores dos hipermercados a ver se têm alguma coisa diferente no respeitante a farinhas.

Então, no Jumbo encontrei três farinhas diferentes da marca Branca de Neve, já preparadas para a máquina do pão. Não são nada baratas, até porque as embalagens são só de 500 gr. e por isso mesmo quando cheguei a casa não inventei. Fiz tal como dizia na embalagem para ver o resultado:

 

 

O que posso dizer, que não esteja ilustrado? O pão saiu com um aspecto fantástico e com um sabor espantoso. Recomendo vivamente!

23
Set09

Doce de Tomate na Máquina do Pão


veralvese

Primeiro começo por mostrar os 'tomates da minha avó':

 

Matéria-prima para o doce. Agora, a receita. Não é da minha autoria, mas sim fruto das pesquisas no 'mundo dos blogs'. Mesmo assim, não quis deixar de mencionar este doce, uma vez que ficou sensacional.

 

Ingredientes:

2, 3 kg de tomate depois de pelado e escorrido

800 gr de açúcar

2 paus de canela

1 d de vinho do porto

 

Aproveitei o meu robot de cozinha novo (adora maquinaria), coloquei todos os ingredientes, menos a canela e triturei.

 

Depois, coloquei tudo na máquina do pão e liguei no programa da compota. Resultado: um desastre, uma vez que, como podem ver pelos ingredientes exagerei nas quantidades e a minha máquina por pouco não teve um 'ataque cardíaco'. Tive de colocar então o doce ao lume onde ainda esteve mais 1h e 30m seguramente, mas garanto-vos: valeu o esforço!

 

E o resultado:

 

23
Set09

Pão integral sem sal


veralvese

Olá, hoje a noite parece produtiva para o meu blog, uma vez que vou aproveitar para colocar as minhas últimas receitas todas.

 

Ficou um pouco mais baixinho que o habitual, mas, foi a primeira vez que fiz no programa próprio para pão sem sal - e para mais apenas com farinha integral e sementes de sésamo.

Bem, pelo menos posso dizer que foi feito com muito carinho uma vez que o ofereci a uma tia muito querida.

 

Agora a receita:

350 ml de água

560 gr. de farinha integral da nacional

fermipan

 

E não esquecer: menu para pão sem sal, tostar no máximo.

 

23
Set09

Sugestão para aproveitar pão


veralvese

Agora, para variar, uma deliciosa sugestão: pão-de-ló de peixe com molho branco. A sugestão, a receita e o produto final nada têem a ver comigo. Tudo obra da boa cozinheira que é a minha mãe...... (yep, também ela se dedica de vez em quando a inventar na cozinha e com muito sucesso - principalmente nos doces).

 

Para vos deixar com água na boca:

 

Agora deixo a receita, para quem quiser surpreender!

 

Peixe cozido desfiado, 300 gr

Miolo de pão branco, 300 gr

Maisena, 2 col. chá

Ovos, 6

Leite, 1/2 L

Molho branco

Salsa, banha, pão ralado, pimenta e sal q.b.

 

Desfaz-se a maisena no leite, com o qual se cobre o pão e, depois de abeberado, passa-se pelo passe-vite. Misturam-se-lhe o peixe desfiado e as gemas dos ovos, tempera-se com pimenta moída na ocasião e sal e bate-se como se fosse um bolo. Batem-se as claras em castelo firme, envolvem-se suavemente no composto e deita-se numa forma já untada com banha e polvilhada com pão ralado. Coze-se em forno quente (180 ªC), durante cerca de 45 minutos. Quando cozido, volta-se para um prato, cobre-se com o molho branco, polvilha-se com salsa picada e serve-se na hora com uma boa salada.

 

Molho branco:

 

Manteiga, 40 gr

Farinha, 30 gr

Caldo de carne, galinha ou peixe, 1/2 L

Sal e sumo de limão, q.b.

 

Prepara-se como o molho bechamel.

 

Sugestão de apresentação:

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Em destaque no SAPO Blogs
pub